Deusa Sif

Deusa Sif

junho 9, 2019 0 Por Pagan

Sif, Deusa Nórdica da Fertilidade, Família e Trigo: a bela Sif dos cabelos dourados é a esposa de Thor. Seus cabelos dourados costumam ser associados com a colheita do trigo.

Deusa Sif. Fonte: https://www.artstation.com/artwork/yl8qR
Deusa Sif. Fonte: https://www.artstation.com/artwork/yl8qR

A Deusa também é associada à fertilidade, à família e ao casamento, atributo importante que está ligado à Deusa Frigg, rainha de Asgard. Casamentos sancionados, lar e família protegidos eram bênçãos muito desejadas no passado, principalmente por mulheres casadas que veneravam, amavam e honravam Divindades ligadas a esses aspectos.

Sif. Crédito: sifrichardpace_by_pernastudios-dcfovq6
Sif. Crédito: sifrichardpace_by_pernastudios-dcfovq6

Com Thor, Sif é mãe de Thrud (seu nome significa “a poderosa” / “força e poder”). Sif também é mãe do Deus Ullr / Uller e Thor é o padrasto dele.

Deusa Sif. Artista: Javier Bahamonde (ArtStation)
Deusa Sif. Artista: Javier Bahamonde (ArtStation)

O mito mais conhecido de Sif é de quando Loki cortou o cabelo dela. Furioso, Thor ameaçou matá-lo mas Loki o convenceu a deixá-lo ir para Svartalfheim, para que os anões fizessem um novo cabelo para Sif.

Deus / Jotun Loki e a Deusa Sif. Fonte: https://www.deviantart.com/irenhorrors/art/Sif-and-her-Golden-Hair-852087464
Deus / Jotun Loki e a Deusa Sif. Fonte: https://www.deviantart.com/irenhorrors/art/Sif-and-her-Golden-Hair-852087464

E foi através de Loki nessa viagem que os filhos do anão Ivaldi produziram presentes que mais tarde foram entregues para os Deuses.

Nesse primeiro momento, os filhos de Ivaldi produziram o novo cabelo de Sif; Skidbladnir, o melhor de todos os barcos (montado a partir de pedaços finos de madeira), pois sempre tem vento favorável e pode ser dobrado e guardado no bolso; e Gungnir, a mais mortal das lanças.

Tendo os anões cumprido sua tarefa de produzir o novo cabelo de Sif, Loki desejou permanecer nas cavernas dos anões e aproveitar o momento. Ele se aproximou dos irmãos Brokkr (“metalúrgico”) e Sindri (“pulverizador de faísca”, respectivamente) e provocou-os. Loki desafiou os irmãos a forjar três novas criações iguais às que os filhos de Ivaldi haviam criado. De fato, ele até apostou na falta de habilidade deles. Brokkr e Sindri, no entanto, aceitaram a aposta.

Enquanto trabalhavam, uma mosca (Loki disfarçado) picou a mão de Sindri. Quando o anão tirou sua criação do fogo, era um javali vivo com cabelos dourados. Este foi Gullinbursti (“cerdas douradas”), que emitia luz no escuro e podia correr melhor do que qualquer cavalo, mesmo através da água ou do ar.

Sindri então colocou outra peça de ouro no fogo enquanto Brokkr trabalhava os foles. A mosca mordeu Brokkr no pescoço, e Sindri desenhou um anel magnífico, Draupnir (“Dripper”). Deste anel, a cada nona noite, caem oito novos anéis de ouro de igual peso.

Sindri então colocou ferro na lareira e disse a Brokkr que o próximo trabalho exigia muito cuidado, pois um erro seria mais caro do que nos dois projetos anteriores. Loki imediatamente picou a pálpebra de Brokkr, e o sangue bloqueou o olho do anão, impedindo-o de ver corretamente seu trabalho. Sindri produziu um martelo de qualidade insuperável, que nunca iria errar o alvo e sempre retornaria ao dono após ter sido lançado, mas tinha uma falha: o cabo era curto mas o martelo era nada menos que o Mjolnir.

Os Anões na mitologia nórdica - Imagem: “The third gift — an enormous hammer”, por Elmer Boyd Smith (1902)
Os Anões na mitologia nórdica – Imagem: “The third gift — an enormous hammer”, por Elmer Boyd Smith (1902)

Concluídos os 6 itens (3 feitos pelos filhos de Ivaldi e 3 por Sindri e Brokkr), Loki retornou à Asgard com os presentes destinados aos Deuses, devidamente acompanhado por Sindri e Brokkr, que queriam reivindicar a aposta que haviam feito com Loki.

Desta maneira, Sif recebeu seu novo cabelo. Thor recebeu o Mjolnir; Odin, a lança Gungnir e o anel Draupnir; Freyr, o Skidbladnir (o melhor de todos os barcos) e o javali Gullinbursti de pelos dourados que emitia luz no escuro e podia correr melhor que qualquer cavalo (inclusive através da água ou do ar).

Agradecidos pelos presentes, os Deuses também foram justos e viram que Loki ainda devia sua cabeça aos anões em virtude da aposta que fez. Quando os anões se aproximaram de Loki com facas, o Deus astuto especificou que ele lhes havia prometido somente a cabeça, mas não o pescoço. Brokkr e Sindri se contentaram em costurar a boca de Loki e voltaram à forja.

nota pessoal: há poucas informações “oficiais” sobre a Deusa Sif mas nada impede um contato para novas descobertas, se assim for desejado.

Sif. Crédito: "Thalia Took http://www.thaliatook.com/AMGG/sif.php"
Sif. Crédito: “Thalia Took http://www.thaliatook.com/AMGG/sif.php”

Religiosidade

A religiosidade dos nórdicos é marcada pela pluralidade, mesmo dentro de um único panteão os ritos podiam variar bastante dentro das tribos (característica que permanece atualmente, obviamente trocando-se as tribos do passado pelos kindreds atuais). Pais e mães comandavam os ritos dentro da família. Já as cerimônias públicas eram tarefa do jarl (“conde”, em tradução literal). Importante chamar atenção para a relação direta entre esses povos e as divindades. Mesmo a figura dos sacerdotes, dentro do paganismo nórdico, não possui o mesmo papel das religiões abraâmicas. Isso significa que as divindades podem comunicar-se diretamente com as pagãs e pagãos, o que pode ser buscado.

Vikings

Vikings, antes do início da chamada “era cristã”, têm origem nos pagãos germânicos que viveram na região onde hoje é a Alemanha, Inglaterra anglo-saxã, Noruega, Dinamarca, Suécia, Frísia (condado ao norte da Holanda), e Islândia (posteriormente). A figura dos Vikings refere-se aos navegantes invasores que também eram conquistadores, exploradores, comerciantes e colonos, tendo vivido no território onde hoje é a Noruega, Dinamarca, Suécia e Islândia. A chamada Era Viking compreende o período de tempo entre, aproximadamente, 793 da Era Comum (EC) e 1066 EC.

www.facebook.com/caminhopagao

www.instagram.com/caminhopagao

pinterest.com/mitologiaemundonatural
https://aminoapps.com/c/DeusasDeuses/home/